Related Posts with Thumbnails

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Perguntas

O que fazer, te pergunto,
Se te esquecer não consigo?

Já tentei, já tentastes, eu sei.
Mas nem eu, nem você,
Conseguimos nos esquecer.

 Foi forte, é forte, será sempre forte.
Tudo que foi, tudo que é, tudo que será.
Será? Ou não será? Não sei.

Talvez! um dia! quem sabe?
Ninguém sabe. Ninguém sente o que sinto...
Ninguém sente o que sentes.

O que sinto, só eu sei.
O que sentes, só tu o sabes.

Quem nos separará?
Tu sabes? Eu sei.

 Apenas eu e você, podemos nos separar.
Você quer? Eu não.

Eu quero, você quer.
E você sabe o que eu quero,
como eu sei o que você quer.

E então? Porque não?
Se eu quero e você quer?

Eu te pergunto...



8 Comentários:

concentrado disse...

Adorei o poema. Muito maravilhoso.

Joselito disse...

Bem .... Eu também fiquei curioso .. Por que?

Principe Encantado disse...

Lindo, mais levando para a brincadeira, responder uma declaração destas é muito perigoso.
Adorei seu poema, parbéns.
Abraços forte

Rose Nakamura disse...

Gostei de seu poema
bjs

bruninha-bbs disse...

Obrigado concentrado abraços

bruninha-bbs disse...

Joselito muito obrigado


Abraços

bruninha-bbs disse...

Muito obrigado Principe Encantado


Abraços

bruninha-bbs disse...

Muito obrigado Rose


Abraços

Postar um comentário

  ©Template by Dicas Blogger

TOPO